Número 19, Janeiro - Junho/2019
ISSN: 1984-3585
 
 

CHAMADAS

Política de direitos autorais

Ao submeter um texto à TECCOGS, os autores asseguram que o material submetido à avaliação e eventual publicação não infringe de modo algum qualquer direito proprietário ou copyright de outros. Com a submissão, o autor transfere em efetivo os direitos de publicação do artigo para a TECCOGS. A transferência de copyright cobre os direitos exclusivos de publicação e distribuição do artigo, incluindo reimpressões ou quaisquer outras reproduções de natureza similar, além de traduções. Entretanto, os autores mantém o direito de usar todo ou partes deste texto em trabalhos futuros de sua autoria e de conceder ou recusar a permissão a terceiros para republicar todo ou partes do texto ou de suas traduções. Para republicar números da revista na íntegra, qualquer interessado precisa obter permissão por escrito tanto dos autores como também dos editores da TECCOGS. Entretanto, a TECCOGS por si só pode conceder direitos relativos a emissões de periódicos como um todo.

Imagens com direitos autorais pertencentes a terceiros, que não foram concedidos ao autor do texto, devem ser utilizadas somente quando necessárias à análise e ao argumento da pesquisa, sempre indicando as respectivas fontes e autoria. A TECCOGS dispensa o uso de imagens meramente ilustrativas. Se desejar ilustrar um conceito, o autor deve indicar, em forma de URL ou referência bibliográfica, uma referência em que a ilustração esteja disponível.


Call for papers

A TECCOGS - Revista Digital de Tecnologias Cognitivas, do programa de Estudos Pós-Graduados em Tecnologias da Inteligência e Design Digital da PUC-SP, mantém aberta a sua chamada de artigos, relatos de pesquisa de campo, entrevistas, resenhas e traduções que se enquadrem nos dossiês apresentados abaixo, bem como nas linhas interdisciplinares apontadas na proposta geral da revista. Pesquisadores interessados em submeter trabalhos que se adequem aos temas a seguir devem encaminhá-los, seguindo as normas de envio, para teccogs@pucsp.br. Os textos serão recebidos e selecionados pelo editor convidado do respectivo número e pelo editor executivo da revista.


O número 20 (jul.-dez., 2019) será editado por Alessandro Mancio de Camargo, dedicado à "Agricultura digital". O título do artigo e o resumo (150-200 palavras + 3 palavras-chave) deve ser enviado até o dia 02/08/2019. Os artigos completos devem ser enviados até o dia 16/09/2019 para o e-mail teccogs@pucsp.br, com o assunto "Submissão para n.20" . Sugestões de temas:

• Agricultura digital: viabilidade, oportunidades e desafios para as tecnologias 4.0 no campo, baseadas no uso, processamento, comunicação e troca digital da informação e do conhecimento rural.

• Processamento de imagem e visão computacional: geração de valor agrícola por meio de APIs e sistemas automáticos de detecção e reconhecimento de doenças, pragas etc. baseados em imagens.

• Distributed Ledger Technology (DLT): como a tecnologia mais conhecida como Blockchain aplica-se ao mercado rural e/ou à segurança alimentar tendo em vista a rastreabilidade, confiança, eficiência, otimização de processos, entre outros pontos pertinentes dessa tecnologia.

• Transferência de tecnologia: integração do trabalho de extensão rural às novas tecnologias (AgroTIC, agricultura de precisão, conectividade) tendo em vista garantir assistência técnica e transferência de conhecimento, tecnologia e inovação ao agricultor.

• Computador alimentar ou modelagem no campo: uso de plataforma de tecnologia agrícola para criar ambientes específicos e controlados para o crescimento de plantas sem que haja necessidade do solo.

• Indicadores-chave de desempenho (Key Performance Indicator KPI): identificação e manejo digital de parâmetros (irrigação, nível de dióxido de carbono no ambiente, umidade e temperatura do ar, uso de insumos, comportamento etc.) necessários para medir, simular e orientar a adoção ou não de sistemas e de agricultura de precisão levando em conta o controle do clima, mercado e mão de obra, principalmente.

• Rede de sensores: pontos chave de controle (conectividade, fontes de energia, computação em nuvem), para o gerenciamento agrícola e soluções big data baseadas em IoT, especialmente no desenvolvimento e integração de sensores úteis para produtividade, controle de pragas, otimização de recursos e geração contínua de valor no campo.

• Automação: sistemas telemétricos via RFID; monitoramento de dados de movimentação e aferição de comportamento da criação; veículos aéreos não-tripulados (VANTs) para gestão de culturas e monitoramento climático; e reflexões sobre outras inovações na área de agricultura de precisão.

• Do GPS e satélite ao machine learning: como novas soluções complexas permitem automatizar as culturas e as criações, levando em conta as particularidades da comunicação em sistema aberto entre máquinas, sensores desenvolvidos por diversas agtechs versus soluções proprietárias fechadas.


 
DOWNLOAD DA EDIÇÃO COMPLETA
 
TwitterFacebook
________________________________
Programa de Estudos Pós-Graduados em Tecnologias da Inteligência e Design Digital
PUC-SP